Oops! It appears that you have disabled your Javascript. In order for you to see this page as it is meant to appear, we ask that you please re-enable your Javascript!
ideias de negócios

Como trabalhar em casa sendo Assistente Virtual


A profissão de Assistente Virtual cai como uma luva para as mamães! Se você já trabalhou em algum momento como recepcionista; assistente administrativo; secretária ou auxiliar de escritório é perfeito para você!

Trabalhe em casa como secretária remota

E se você ainda está indecisa se deve ou não voltar ao trabalho formal, eu te digo: Não, você não precisa!

Explico: se você já tem alguma experiência nesta área, você pode trabalhar como Assistente Virtual (ou conhecido também como Secretária remota)no conforto da sua casa. Não precisa se desgastar com a rotina de trabalhar longe, pegar transporte publico cheio e desperdiçar horas no trânsito. Sem contar a vantagem de poder ter mais tempo livre para sua família.

Eu já falei aqui em outro post das vantagens de trabalhar como Analista de mídias sociais mas pode ser que você não tenha se identificado muito ou não se interesse em gerenciar redes sociais.

Mas se você gostaria de ter um trabalho muito parecido com seu último emprego, ser Assistente Virtual vai te agradar, tenho certeza!

Hoje já é possível encontrar agências de empregos que contratam Assistente virtual porque oferecem este serviço para outras empresas, empresários indivíduais, microempreendedores, artistas, consultores, etc.

Agora pensemos juntas, se uma agencia oferece este serviço para uma empresa é fato que há demanda! E além disso, a agencia sempre paga menos pra quem contrata e consequentemente fica com a maior parte do lucro.

Portanto, você pode eliminar essa intermediação da agência e atuar diretamente com esses clientes.

Trabalhar como Assistente Virtual já é realidade em muitos países e começa a se difundir no Brasil. Vivemos hoje uma realidade muito conectada pela internet, por isso é mais fácil trabalhar de forma remota e a tendência é que isso se expanda até mesmo para outras profissões.

Em alguns anos veremos algumas profissões tradicionais desaparecerem e outras surgirão. Quer um exemplo? Em alguns anos acredito que não teremos mais agencias bancárias, conseqüentemente, profissionais bancários não serão necessários. Provavelmente você já percebeu essa redução de equipe nos Bancos.

Por isso temos de abrir nossa mente para o novo, nos reinventar a cada dia.

Extremamente importante manter-se atualizada profissionalmente. Continuar estudando é essencial para qualquer profissional, qualquer área.

Então aproveite essa sua experiência na área administrativa ou comercial e vá de encontro ao mercado, prepare-se para ser a sua própria chefe.

E caso você deseje mudar de atividade porém não possua experiência nesta área, saiba que não é impossível, mas vai exigir dedicação e estudo. Para isso você deve aprender sobre rotinas administrativas, ser proativa e falar bem ao telefone. Ter domínio ao menos básico de ferramentas administrativas como email, editor de texto, planilhas de Excel, aplicativos diversos, etc..

Vem comigo, vou te explicar mais…

Trabalhe em casa home office

Quais serviços eu posso oferecer

Isso vai depender do tipo de cliente que você escolheu trabalhar. Lembrando que você poderá  trabalhar para mais de um cliente ao mesmo tempo, isso vai depender de você e da sua organização.

Alguns exemplos de serviços:

 – Gerenciar e-mails ;

– Controlar agenda e avisar sobre compromissos;

– Organizar contas pessoais e profissionais ;

– Controle de contas a pagar e a receber;

– Orçamento para compras diversas;

– Orçamentos para eventos;

– Auxiliar na contratação ou no cancelamento de serviços;

– Reservar hotel e passagens aéreas;

– Prospecção de clientes;

– Agendamento de visitas;

– Pós venda;

– Outros.

Como escolher seu nicho

Isso vai depender da experiência que você já tem, o quanto você se identifica com tais tarefas e o quanto você é boa em administrá-las.

Além das empresas, a Assistente virtual são muito requisitadas por profissionais liberais como médicos, advogados, consultores financeiros, representantes comerciais, fotógrafos, designers, youtubers, blogueiros, etc.. A lista é enorme!

Por exemplo, se você se identifica com a área comercial e já teve experiência com prospecção de clientes eu aconselharia você a se especializar em atender empresas ou profissionais que dependem de vendas. Você pode fazer pesquisas de mercado, fazer o contato inicial com o cliente, enviar material de divulgação e agendar visitas. Tudo isso dentro de casa e  ainda pode escolher trabalhar apenas meio período.

Do que eu preciso para começar?

Muito pouco mesmo e provavelmente você já tem isso em casa: um computador ou notebook, um celular, whatsap  e acesso a internet.

Claro que não é apenas isso, há outras coisas que você precisará investir se quiser passar credibilidade e conquistar muitos clientes.

É importante demonstrar profissionalismo; portanto invista em contratar um email corporativo, com domínio próprio. Indicado também manter um site ou blog dos seus serviços pois funciona como uma vitrine e dá abertura para que você possa divulgar seus serviços nas suas redes sociais.

Você deve manter um perfil atualizado no Linkedin , destacando cursos e especializações que você tenha.

É muito importante que você se formalize com um CNPJ, onde você pode começar como Microempreendedor Individual (MEI). O cadastro é feito pela internet de forma simples e rápida pelo Portal do Empreendedor.

Com isso, você pagará um imposto mínimo mensal , em contrapartida você terá benefícios de um trabalhador CLT como auxílio-doença, licença-maternidade, aposentadoria, etc.  Você encontra mais detalhes lá mesmo no Portal do empreendedor.

E caso tenha dúvidas  acerca do cadastro ou como escolher seu CNAE por exemplo, você pode consultar o Sebrae da sua cidade de forma gratuita.

(Estou preparando um post completo sobre MEI, em breve…)

Com seu CNPJ você poderá emitir Nota fiscal de seus serviços para as empresas . Isso aumenta sua credibilidade como profissional, te destacando da concorrência.

Acredito que estas sejam as informações necessárias para saber se o negócio de Assistente Virtual é uma opção para você, se vale a pena investir.

Para eliminar suas dúvidas, você pode adquirir o curso da Camile Just, “Como ser uma Assistente Virtual”, especialista nesta profissão, tem ajudado centenas de mulheres a voltar ao mercado de trabalho, mesmo trabalhando em casa!

Ela explica passo a passo como se tornar uma profissional de sucesso. Com certeza este curso vai te deixar mais segura para iniciar.

Neste link, você encontra depoimentos de clientes da Camile e de mulheres que decidiram se tornar Assistentes Virtuais. Você verá que não é nenhum bicho de 7 cabeças, sendo totalmente possível trabalhar em casa dessa maneira.

O curso ensina também como você deve cobrar pelos serviços e apresenta modelos de contratos de forma profissional.

E a melhor parte: Além do curso você tem assessoria on line da própria Camille uma vez por semana! Além de aulas com especialistas parceiros que vão te ajudar com ferramentas de organização, divulgação, técnicas de trabalho, etc..

E para eliminar de vez qualquer dúvida que tenha ficado, baixe aqui E-BOOK GRATUITO sobre o curso. Com ele você tira as dúvidas que possam surgir e verá que o curso vale a pena pois tem muito conteúdo e com certeza vai pra te preparar para o mercado.

Como ser uma assistente virtual

Espero ter ajudado de alguma forma.

Gostou do post? Compartilha!

Ficou alguma dúvida sobre este serviço? Comenta pra eu poder te ajudar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *